17.12.05

...

De subtil nada tens
A simplicidade não é o teu forte
Mas que interessa isso ao pé da tua extravagância?
Da tua audácia que tanto me apraz?

Como me animas os dias cansativos
Nem preciso de lua
O teu sorriso basta para me iluminar
E essas tuas palavras
Que entram em mim como um turbilhão
Cativando e confundido a minha atenção
Ah, e o teu olhar de natureza gentil
Por certo alguma divindade
Te pôs esse brilho nos olhos
Porque isso não é de pessoa comum

Por ti roubaria todas as estrelas
Para veres a sua luz extinguir
Quando próxima do teu ser

3 Pensamentos:

Blogger txitxa pensou...

maryyy voltei aos coments!! lol sei k tinha andado desaparecida aki do teu blog mas é k ando pouco inspirada p coisas romanticas nem no meu eu faço coisas de jeito lol... mas como sempre gostei do poema já sabes a minha opinião em relação a ele pk já me tinhas mostrado ihihi... bjinhux gandx adoro tu mt mt mt mt****

7:37 da tarde  
Anonymous factor s. pensou...

look at the stars
look how they shine for you
.

10:06 da tarde  
Blogger Scarlett pensou...

sem palavras...somente um :)! mtas saudades....*********

3:29 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home